O sistema de NPS (Net Promoter Score) foi criado com o intuito de avaliar a experiência dos clientes finais ao utilizar um produto ou serviço da empresa.

Posteriormente essa metodologia passou a ser utilizada com o público interno com o E-NPS, que avalia a satisfação dos funcionários da organização trabalhando lá. Agora essa metodologia foi adotada pela área de recrutamento e seleção, com o intuito de mensurar a experiência do candidato.

Uma ação importantíssima que deve ser adotada pelos recrutadores, por exemplo, é a de dar feedback aos candidatos do processo, e isso conta muito para que o NPS do candidato seja positivo.

Continue lendo e saiba mais sobre NPS para candidatos e como aplicar a metodologia em sua empresa.

Um pouco sobre NPS

A metodologia de NPS surgiu em 2003, criada por Fred Heichheld, a ideia inicial era realizar uma pergunta que medisse o grau de satisfação dos clientes com o produto ou serviço oferecido. Ela se mostrou muito eficaz, até que passou a ser utilizada em gestão de pessoas, com o eNPS (Employee Net Promoter Score), mensurando a satisfação dos empregados no trabalho.

Atualmente esse conceito é utilizado no processo de recrutamento, através de uma pergunta única se avalia a satisfação desses durante todo o tempo que participou da seleção.

Utilizando NPS nos processos seletivos

Existem inúmeros modelos de formulários que são utilizados para avaliar um processo seletivo, no entanto muitas vezes esses são cansativos, longos e complexos de serem analisados, por isso o NPS pode facilitar essa avaliação. Para isso faça a seguinte pergunta:

  • Em uma escala de 0 a 10, sendo que 0 é o menor valor, o quanto você indicaria esse processo a um amigo ou familiar?

Lembrando que essa pergunta deve ser feita sempre por meios digitais, seja por plataformas de formulário, e-mail ou mensagens de texto, pois assim a pessoa não se vê obrigada a dar notas altas.

O ideal é que a pesquisa de NPS seja enviada a todos os participantes do processo, pois quanto maior a amostragem maior a confiabilidade dos dados obtidos.

Após a coleta de dados serão identificados três perfis de profissionais, aqueles que são possíveis detratores, que avaliaram entre 0 e 4 o processo, os considerados neutros, que avaliaram entre 5 e 8, e os promotores, que indicariam o processo a amigos e familiares, dando a nota 9 ou 10.

Também é válido pedir uma justificativa à resposta, para obter dados mais completos

Calculando a pontuação NPS nos processos

Uma vez coletados os dados, é necessário calcular o NPS do processo de recrutamento e seleção da empresa, para que assim possa ser identificado como o candidato o enxerga e realizar melhorias.

Para o cálculo utiliza-se a seguinte fórmula: NPS = % de promotores – % de detratores.

O valor irá sempre variar entre -100 e 100, sendo que o objetivo da organização deve ser sempre estar o mais próximo de 100.

Existem zonas de avaliação para que o NPS seja melhor utilizado, isso é, em uma pontuação de 1 a 50 ele está na zona de aperfeiçoamento e o processo deve ser melhorado imediatamente. Já se a pontuação estiver entre 51 e 70 ele está na zona de qualidade e o objetivo deve ser chegar na zona de perfeição, que é uma pontuação entre 71 e 100.

Gostou de nosso conteúdo sobre NPS? Então nossa sugestão é que você curta nossa página do Facebook para ficar por dentro de todos os nossos próximos conteúdos.

 


Daniel Martins

Daniel Martins

Sou técnico em Administração formado pela Escola de Formação Gerencial do SEBRAE . Gosto de expandir meus conhecimentos e aprimorar minhas habilidades sempre. Tenho experiência no mercado de startups e sou apaixonado por marketing de conteúdo!

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *