Em pleno século 21, é quase impossível não vincular Bill Gates ao universo das novas tecnologias e corporações. Tudo isso porque a Microsoft, empresa fundada por ele e Paul Allen em 1975, é a fabricante do sistema operacional mais utilizado no mundo inteiro: o Windows.

Para você ter uma ideia da sua eficácia, nenhum indivíduo deixou de utilizá-lo, nem sequer uma vez, nesses 40 anos de existência.

Além do Windows, a Microsoft é desenvolvedora do:

  • Pacote Office;
  • Navegador Internet Explorer;
  • Sistema de comunicação instantânea Windows Live Messenger;
  • Microsoft Teams;
  • E muito mais.

 

Os softwares da empresa continuam ocupando posição de liderança no mercado e estão presentes em todas as residências e negócios que integram a nossa vida. Não é à toa que seu criador, Bill Gates, está há décadas no topo da lista das pessoas mais ricas do mundo.

Quer conhecer o caminho das pedras da Microsoft?

Continue a leitura até o final e confira!

 

Os objetivos da Microsoft

 

Quais são os principais objetivos da Microsoft, que fazem Bill Gates ser referência em liderança e inovação de negócios?

  • Gerar impacto mundial

Bill Gates é reconhecidamente um dos pioneiros na revolução do computador voltado para o consumidor comum. Você lembra como eram os computadores antes da Microsoft?

Essas máquinas, por serem dedicadas a processamento pesado e lento de informações, sempre foram mais usadas para fins militares, científicos ou comerciais. E graças à genialidade e determinação de Gates, em desenvolver o primeiro código de programação que rodou no primeiro computador pessoal (PC), que uma nova era começou.

Hoje, são mais de um bilhão de PCs móveis, modernos e acessíveis espalhados pelo mundo! Não dá para negar a importância de Bill Gates na democratização da informática, na modernização de processos e como ele mudou o mundo com a Microsoft.

  • Rentabilidade

O boom da virada lucrativa para Bill Gates e a Microsoft foi agarrar a oportunidade da IBM, na época prestes a lançar o seu microcomputador pessoal. Foi definitivamente um grande encontro.

Por um lado, a IBM precisava de um sistema operacional para sua recém rede de computadores pessoais. Por outro, a Microsoft estava interessada no prestígio de ter seu programa de computador selecionado para atuar em maior escala.

A partir daí, 12 horas diárias de trabalho eram poucas para o cérebro incansável de Bill Gates, para seus funcionários e grandes parcerias cooperativas. 

Para você ter uma ideia, a Microsoft cresceu de uma empresa com poucas pessoas para uma potência que emprega milhares de profissionais.

 

As inovações da Microsoft

Bill Gates foi e sempre será um visionário empreendedor, inspirando outros CEOs e empreendedores a pensarem à frente de seu tempo. Assim sucedeu com Satya Nadella, atual CEO da Microsoft, ao girar o foco da empresa para os dispositivos móveis e serviços de computação em nuvem (cloud computing).

Essa sacada de mestre transformou a Microsoft também numa líder em nuvem, com o Azure entre os 5 principais fornecedores de nuvem comercial. Vamos combinar que o caminho para a nuvem é necessariamente esse: investir em soluções inovadoras que impulsionam a transformação digital das transações.

Afinal, que empresa não quer ampliar a segurança, reduzir custos, agilizar as operações e aumentar suas vantagens competitivas diante das expectativas dos clientes?

 

Bill Gates teve suas aspirações realizadas através da Microsoft, mas até hoje doa boa parte da sua fortuna para a Fundação Bill & Melinda Gates, que lançou em 2000, junto com a sua esposa.

Sua otimização em tentar resolver questões sanitárias, climáticas, proporcionar vacinas (até para o Covid-19), principalmente em países subdesenvolvidos, é invejável.

O que o futuro nos reserva é incerto, mas uma coisa é clara: Bill Gates mudou o mundo com a Microsoft e seu impacto deixará frutos promissores para novas gerações.

 

Esse conteúdo foi produzido por Presleyson LimaDiretor de Marketing da Prolinx, Palestrante e Professor.

Categorias: Para Devs

Presleyson Lima

Empreendedor, Empreendedor Serial, Palestrante, Smart Money, Colunista, Investidor Anjo, Mentor e Amante da Inovação.

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *